Quarta-feira, dia 12 de Dezembro de 2018 - Agência de Notícias da cidade Portal do Pantanal
EVENTOS
SOCIAL
ANIVERSÁRIOS
LAZER
24/02/2018 - 13:00
Em visita de Ministro, Odilon pede ajuda para que cidade não fique novamente isolada
 
 
 
Ampliar
 
Ampliar
 
Ampliar
 
Ampliar
 
Ampliar
 
O ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun (MDB) esteve em Aquidauana ontem, e o foco da visita foi a discussão sobre melhorias na assistências as famílias afetadas com os estragos das chuvas do início desta semana. Marun foi recebido pelo prefeito de Aquidauana, Odilon Ribeiro (PSDB) e a vice Selma Suleiman (MDB).

Em reunião na Câmara Municipal da cidade, o prefeito Odilon Ribeiro, pediu a construção de uma nova entrada para o município para evitar que fique novamente isolado em caso de novas enchentes.

Na lista de pedidos também tem a construção de 211 casas populares, já aprovada, mas que ainda aguarda a liberação de recursos do governo federal. “Estou pedindo socorro, estamos num momento difícil, sem dinheiro e sem estrutura. Só percebemos isso em um momento difícil como este”, disse o prefeito.

Odilon aproveitou que o plenário estava cheio e reforçou para que a população possa ajudar com doações. “Agora precisamos de doação utensílios domésticos”, pediu, citando o colchão como uma das necessidades dos desabrigados.

Relatório da Secretaria Municipal de Assistência Social aponta que os três abrigos públicos de Aquidauana conta com 51 famílias, totalizando 154 pessoas entre crianças, adultos e idosos. A prefeitura informou ainda que 597 pessoas cadastradas foram encaminhadas estão em casas de familiares.

O ministro manifestou disposição do Governo Federal em atender revindicações que possam minimizar os efeitos da enchente no cotidiano da cidade. “Depois de ver in loco como está a situação, vamos alinhar no que o governo pode auxiliar”, disse.

Emergência – A cidade decretou, na quarta-feira (21), situação de emergência em virtude da enchente no local. Para se ter noção do cenário, o rio Aquidauana, que corta o município de mesmo nome, teve o nível de água elevado para 10 metros em questão de horas. O normal é 3.3 metros.

As pontes que ligam Anastácio à Aquidauana tiveram o acesso restrito naquele dia. Ontem, no entanto, o nível já baixou e os acessos foram liberados. Três abrigos montados em igrejas servem de moradia improvisada para as famílias que tiveram de deixar suas casas, que ficaram alagadas.

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) anunciou repasse de R$ 500 mil para Aquidauana e R$ 300 mil para Anastácio, também afetada pela quantidade de água. O dinheiro terá de ser destinado exclusivamente para o atendimento às famílias. Levantamento e repasse para recuperar os estragos na estrutura serão feitos posteriormente.

Fotos: Anderson Mariano
JNE
 
Curtiu o Aquidauana News?
Mais notícias
 
24 de Fevereiro de 2018
08:30
 
 
08:15
 
 
 
23 de Fevereiro de 2018
18:00
 
 
17:52
 
 
17:45
 
 
17:30
 
 
17:15
 
 
17:00
 
 
16:45
 
 
16:30
 
 
16:15
 
 
16:00
 
 
15:45
 
 
 
 
15:15
 
 
15:00
 
 
 
 
 
 
14:26
 
 
 
 
14:00
 
 
13:45
 
 
 
 
13:15
 
 
13:00
 
 
12:45
 
 
12:30
 
 
12:15
 
 
 
 
11:50
 
 
11:39
 
 
 
 
11:13
 
 
11:00
 
 
 
 
10:30
 
 
 
 
10:00
 
 
09:45
 
 
09:30
 
 
09:15
 
 
09:00
 
 
 
 
08:39
 
 
08:26
 
 
08:13
 
 
 
 
07:45
 
 
 
 
07:15
 
 
 Busca por data:
Aquidauana News - Junho de 2002 - Todos os direitos reservados CW Assessoria e Marketing
Editor Responsável - Wilson de Carvalho - (67) 9908-2687 - ducarvalho@terra.com.br