Sexta-feira, dia 17 de Novembro de 2017 - Agência de Notícias da cidade Portal do Pantanal
EVENTOS
SOCIAL
ANIVERSÁRIOS
LAZER
01/11/2017 - 16:00
Nadal vence na estreia em Paris e garante o Nº 1 ao fim do ano e faz história
Espanhol volta fechar uma temporada como número 1 após 4 anos.
 
 
 
Rafael Nadal estreou com vitória nesta quarta-feira no Masters 1000 de Paris, na França, e entrou para a história ao se garantir como o número 1 do mundo ao fim do ano vencendo a temporada, sendo o primeiro jogador acima dos 30 anos a obter tal façanha.

Para chegar lá, Rafa derrotou o sul-coreano Hyeon Chung, 55º colocado e de 21 anos, por 7/5 6/3 após 1h48min de duração. Nas oitavas de final vai encarar o uruguaio Pablo Cuevas, 36º colocado, que tinha dez derrotas seguidas até o torneio e emplacou seu segundo triunfo seguido ao bater o espanhol Albert Ramos, 15º favorito, com 6/7 (7/5) 7/6 (7/1) 6/2.

Nadal iguala as temporadas de 2008, 2010 e 2013 quando fechou no topo e iguala os feitos de Novak Djokovic e Ivan Lendl que fecharam quatro anos na frente. Ele está atrás de Roger Federer que fechou o topo pela última vez em 2009 e tem cinco anos encerrados na frente e do maior no quesito, Pete Sampras, que foi líder ao fim das temporadas de 1993 até 1998.

O jogo começou bastante complicado para o espanhol, que precisou salvar um break-point logo no primeiro game da partida. No game seguinte de saque de Nadal, o coreano conseguiu converter a quebra, mas não obteve sucesso em sustentar a vantagem e foi quebrado em seguida. Nadal voltou a enfrentar três chances de quebra em seu game seguinte, mas salvou todas e converteu a quebra em seguida. Quando sacava para o set em 5/3, Nadal voltou a enfrentar um 0/40 e acabou quebrado. A remissão veio, então, no 12º game, quando o espanhol converteu a quebra decisiva e fechou o set em 7/5.

Chung não deixou o nível da partida cair no segundo set, mantendo bem seus saques. Nadal também elevou seu nível e o set seguiu sem muitos momentos decisivos, apenas com um game de 12 minutos no 2/2, quando Chung precisou lutar muito para se manter vivo. A única queda do coreano veio no oitavo game, quando cometeu quatro erros seguidos e cedeu a quebra que daria a chance do espanhol sacar para fazer 6/3 e liquidar a partida.
TÊNIS NEWS
 
Curtiu o Aquidauana News?
Mais notícias
 Busca por data:
Aquidauana News - Junho de 2002 - Todos os direitos reservados CW Assessoria e Marketing
Editor Responsável - Wilson de Carvalho - (67) 9908-2687 - ducarvalho@terra.com.br